Saúde e DDHH
17/06/2014
PROFISSIONAIS ATACADOS PELA PREFEITURA: VEJA O QUE FAZER

Atenção profissionais de educação da rede municipal do Rio:


SME/RJ publicou uma listagem no Diário Oficial, no dia 13/06, considerando "inaptos" dezenas de profissionais em estágio probatório, em uma clara retaliação à nossa greve unificada. O Sepe orienta esses profissionais a assinarem o termo de justificativa jurídica (ao lado) e protocolarem na Prefeitura - a cópia deve ser entregue no Sepe. O termo pode ser baixado aquihttp://www.seperj.org.br/admin/fotos/boletim/boletim459.JPG



Se a cópia deste seu pedido lhe for negada ou dificultada de alguma forma, faça foto da página onde assim registrou por escrito. O importante é ter registrado por escrito que tomou ciência e pediu o inteiro teor (a cópia integral). Se for aberto um novo processo administrativo, então o acompanhe com o número obtido, para saber quando as cópias poderão ser-lhe entregues.


Para que o Departamento Jurídico possa analisar sua situação é preciso que sejam trazidos seu ato de investidura/posse ou primeiro contra-cheque, o último contra-cheque (constando sua filiação) e a cópia da íntegra de seu processo de avaliação de desempenho


A situação é extremamente grave, pois a prefeitura do Rio e o governo do estado estão atacando a categoria e a diretoria do sindicato, com inquéritos administrativos e demissões draconianas



Por isso, o Sepe convoca a categoria a participar do ato unificado na Alerj, nessa quarta, às 10h, quando ocorrerá uma audiência pública.

Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do RJ
Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 55 - 8º andar - Centro - Rio de Janeiro/RJ
Telefone: (21) 2195-0450