Saúde e DDHH
11/10/2017
Moção de repúdio da ADUFF contra a perseguição à professora Flavia Rodrigues

A Associação dos Docentes da Universidade Federal Fluminense (ADUFF) repudia a perseguição política dirigida à professora Flávia Rodrigues pelo governo Crivella e pelo seu secretário de educação César Benjamin. Tal perseguição busca justificativa no fato de a professora Flávia ter afixado um cartaz numa das duas escolas nas quais trabalha na rede municipal, a E. M. Tagore. O cartaz cumpria as deliberações de seu sindicato, o SEPE, ao divulgar as principais reivindicações da categoria, aprovadas em assembleia geral.

Esta perseguição só vem a confirmar a natureza autoritária e policial dos seguidos governos que ocupam as prefeituras, os governos estaduais e o Palácio do Planalto. Nesse sentido, a ADUFF repudia toda a opressão do secretário desferida sobre a professora Flávia, além de repudiar qualquer iniciativa do governo em abrir inquérito ou processo administrativo contra a mesma.

A ADUFF exige que a professora seja imediatamente reintegrada as suas funções e suas escolas de origem, sem prejuízo de seus direitos. 

Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do RJ
Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 55 - 8º andar - Centro - Rio de Janeiro/RJ
Telefone: (21) 2195-0450